Sunday, 21 de April de 2019

POLÍTICA


Panorama

Questões político-sociais e urbanas como disparadoras do estresse

07 Jan 2019    18:11    alterado em 07/01 às 18:11
Questões político-sociais e urbanas como disparadoras do estresse

Por Rafael Rápres
Redes sociais: @rapres
Telefone: +55(63) 9 8117-1300


O Brasil atravessa um momento conturbado em sua história, onde a população visivelmente está dividida entre os enfoques de opiniões. E com tanta coisa acontecendo, algo comum adentrou ainda mais nas famílias brasileiras, o stress.

Queda do poder econômico, intrigas sociais e o apelo a virtualização na relação, transformam-se em uma bola de neve de stresses. E pensando neste assunto as alternativas holísticas, são de fato tendência, e provavelmente uma válvula de escape para tantas situações negativas.

Atividades ao ar livre, meditação e yoga são uma das várias práticas que ajudam as pessoas a se descobrirem de outra forma.

Utilizar o tempo livre para exercitar-se, não só ajuda nos aspectos mentais e emocionais, como tem grande influência na saúde física, algo já comprovado cientificamente, pois além de reduzir o stress, atua através da prática  respiração adequada a liberação de toxinas.

Muitas pessoas só  se dão conta da necessidade de cuidar deste conjunto (Mental e físico), quando já estão no ápice dos problemas que a vida urbana traz a saúde. O diagnóstico não é difícil, basta que analise a rotina, e reveja prioridades.

Portanto, resta-nos a questão de policiarmos e observar o que a vida urbana pode trazer como foco positivo a nossa saúde e até que ponto pode ser  nociva.

COMPARTILHE:


Confira também:


Saúde

Nova etapa da Campanha contra a Gripe começa nesta segunda-feira

Na primeira fase, foram vacinadas crianças, gestantes e puérperas


  Blogs & Colunas



Entre nós

Virgínia Gama


Arquitetura & Design

Riquinelson Luz


Vida Plena

Valquiria Moreira


As Tocantinas

Célio Pedreira